Recebemos a notícia do falecimento de D. Paulo Evaristo Arns com grande tristeza. Hoje, o Brasil se despede de alguém que nos ensinou a viver “de esperança em esperança”, rumo à utopia, na direção de um Reino que contemple a igualdade e a justiça, numa esperança encarnada que ganha força numa esperança maior, transcendente. Nas suas palavras, “uma esperança fundamentada na cooperação humana e, assim, na graça do próprio Deus”.

D. Paulo ficará marcado na história do Brasil pela sua incansável luta em favor dos mais pobres e vulneráveis, na sua luta pelos direitos humanos, pela democracia e pelo compromisso evangélico com a liberdade. É uma pessoa que tem a sua marca na história política do nosso país, tomou a opção pela libertação, enfrentou a ditadura e sofreu perseguições. Um profeta do nosso tempo, disposto a falar e a ouvir, a denunciar e a discernir, a empreender e a semear esperanças que insistem em se tornar realidade.

A sua experiência de fé o fez caminhar para além das fronteiras da Igreja Católica. Como bispo, abriu-se ao diálogo ecumênico e inter-religioso, colocou sua Arquidiocese como serviço de justiça e abriu fronteiras em defesa de uma teologia aberta e libertadora.

Neste momento, a SOTER e todos os seus membros se colocam em comunhão e em solidariedade com o povo paulistano e com toda a família Arns. Que as marcas deixadas por D. Paulo se transformem em caminhos de vida e liberdade, num mundo carente e esperançoso por justiça e paz.

D. Paulo Evaristo Arns: profeta da esperança, bispo da libertação!

De esperança em esperança!

 

Belo Horizonte, 14 de dezembro de 2016.

 

A Diretoria

Cesar Kuzma

Maria Clara L. Bingemer

Paulo Fernando C. de Andrade

Solange Maria do Carmo

Alex Villas Boas

 

Sócios e Sócias da SOTER

Compartilhe esta notícia...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn